Proposta de renovação no Sindilojas foi rejeitada

Na última sexta-feira, 18, o Sindilojas realizou a eleição da diretoria para o mandato 2022/2026. Na ocasião, 65% dos votos foram contrários à chapa única protocolada no prazo determinado, estando habilitada a concorrer.

Para o presidente, Leonides Freddi, foi um fato inesperado e sem precedentes, mas que deve ser interpretado com naturalidade e servir de reflexão. ’’A entidade se fortalece na medida que seus associados tiveram a liberdade de demonstrar sua concordância ou sua discordância da proposta apresentada’’, destacou Freddi.

Freddi também se diz comprometido em buscar uma nova composição que tenha comprometimento e que já frequente mais a Entidade, e principalmente, seja reconhecido e aceito pela maioria. A decisão de Freddi continua a mesma, já anunciada anteriormente, de não mais se candidatar ao cargo de presidente, mas não se excluindo de participar da futura diretoria caso venha a ser convidado a integrá-la.

Para dar seguimento a uma nova eleição, Freddi disse que irá se inteirar do que prevê o Regulamento e Estatuto Social. Também irá buscar um parecer junto a Assessoria  Jurídica da Fecomércio-RS antes de anunciar os próximos passos, mas sempre respeitando as leis e o regulamento.

Finalizando, disse que o mais importante neste primeiro momento é buscar a harmonia sem vaidades pessoais. Repetiu o que sempre afirmou “O Sindilojas não tem dono, têm donos”, destacando que os associados têm voz. Sua diretoria, o Presidente e seus executivos fazem aquilo que o colegiado decide que deve ser feito.