Dia das Crianças deve repetir bom desempenho, estima Fecomércio-RS

Entre 2000 e 2019, a taxa de natalidade teve uma redução de 21,4% no RS. Mesmo assim, o Dia das Crianças continua funcionando como uma data muito importante para o varejo de artigos de esportes e recreativos

As vendas do Dia das Crianças devem se manter no mesmo patamar nominal de outubro de 2020, segundo avaliação da Fecomércio-RS. Em termos reais, isto é, descontando a inflação dos produtos tipicamente comprados nesta data, o Dia das Crianças de 2021 prevê uma queda real de 3% no volume de vendas. Contribuem para este cenário a persistência do desemprego, aumento de preços de produtos essenciais como alimentação, energia elétrica e combustível, a alta dos juros, a queda na renda real e a redução da população de crianças no Rio Grande do Sul. Entre os presentes que devem ficar entre os mais procurados estão os brinquedos; entretanto, vestuário, calçados e eletrônicos também devem ser impactados.

Apesar da retomada das atividades e do aumento da circulação de pessoas estimular o consumo, os comerciantes devem se preparar para receber um consumidor cauteloso diante das incertezas econômicas. ‘’O perfil dos consumidores que visitam as lojas nesta data mudou. A pandemia tem deixado as famílias receosas e isso impactará as vendas neste ano’’, destacou o presidente do Sindilojas Fronteira Noroeste, Leonides Freddi. Apesar da geração de vagas no mercado de trabalho formal, as pessoas com menor renda ainda são as mais afetadas pela falta de emprego e queda da renda real, e justamente são essas as famílias que concentram o maior número de crianças.

Freddi ainda ressalta a importância de um bom atendimento e uma experiência diversificada para fidelizar clientes ‘’Sugerimos aos lojistas criar um atendimento cada vez mais personalizado, não deixe o consumidor sair da sua loja sem, pelo menos, ter tido uma boa impressão. A Campanha Compre Aqui é uma excelente ferramenta e um diferencial competitivo para os lojistas atraírem e fidelizarem ainda mais clientes.’’