Comércio teve 2021 acima de 2020, mas abaixo de 2019

Ao avaliar o ano de 2021, o presidente do Sindilojas Fronteira Noroeste, Leonides Freddi faz uma análise ”O ano passado merece uma nota 9 e talvez até um 10 se comparado com 2020”. Porém, os resultados do ano que acabou de terminar estão abaixo do que foi 2019, que antecedeu a pandemia do novo coronavírus.


Freddi ainda destacou que 2020 foi o pior ano para o comércio local. “Vivemos muitos decretos de ‘fecha loja, abre loja’, com restrições que vigoraram até o final” lembrou. O cenário se transformou em 2021.


O dirigente lojista aponta que o comércio projeta boas perspectivas para 2022 baseadas no cenário que está se desdobrando na prática, numa referência às novas empresas que serão instaladas no decorrer dos próximos meses.